terça-feira, 23 de janeiro de 2018

Concurso da ABIN abre inscrições para 300 vagas de diversas áreas

As inscrições para o concurso da ABIN foram abertas nesta terça-feira, 9 de janeiro, e podem ser feitas até o dia 30 deste mês, no site do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) 
O concurso da ABIN, cujo edital foi divulgado pelo Cebraspe em 3 de janeiro, oferecerá 300 vagas: 220 para Oficial de Inteligência, 60 para Oficial Técnico de Inteligência e 20 para Agente de Inteligência.

OFICIAL DE INTELIGÊNCIA
Das 220 vagas dedicadas ao cargo de Oficial de Inteligência, 21 serão distribuídas entre áreas com foco em matérias econômicas, em ciências humanas e em cibernética (áreas 2, 3 e 4). O conteúdo demandado para as áreas 2, 3 e 4 reflete a necessidade da ABIN em relação a profissionais com conhecimentos específicos. Isso os diferencia da área 1, cujos conhecimentos necessários são mais diversificados.
As quatro áreas de conhecimento do cargo de Oficial de Inteligência

Para as 4 áreas de Oficial de Inteligência, será exigido diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de ensino superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.
Os aprovados nas áreas 2, 3 e 4 do cargo de Oficial de Inteligência serão lotados inicialmente em Brasília/DF, com subsídio inicial de R$ 16.620,46.

OFICIAL TÉCNICO DE INTELIGÊNCIA
O Oficial Técnico de Inteligência é o profissional responsável pelas atividades técnico-administrativas de gestão, suporte e apoio logístico à atividade de inteligência da instituição.
Serão ofertadas vagas para as seguintes áreas de conhecimento:
  1. Administração, Contabilidade e Economia;
  2. Direito;
  3. Psicologia;
  4. Pedagogia;
  5. Engenharia Civil;
  6. Engenharia Eletrônica e Engenharia Elétrica;
  7. Matemática e Estatística;
  8. Tecnologia da Informação, com ênfase em Suporte a Redes de Dados;
  9. Tecnologia da Informação, com ênfase em Desenvolvimento de Software;
  10. Arquivologia e Biblioteconomia.
Para os candidatos a todas as áreas de conhecimento de Oficial Técnico de Inteligência, importa destacar que: 1) não será exigido teste de capacidade física; 2) a lotação será na cidade de Brasília/DF; e 3) não há exigência de dedicação exclusiva.
AGENTE DE INTELIGÊNCIA
O Agente de Inteligência é o profissional responsável por oferecer suporte especializado às atividades do Oficial de Inteligência.  O requisito para investidura no cargo é o diploma de conclusão de ensino médio (antigo segundo grau), ou de curso técnico equivalente, conforme edital.
As provas serão em apenas um turno, e o conteúdo programático é reduzido em relação aos cargos de nível superior.
A lotação será na cidade de Brasília/DF.

O QUE FAZ UM AGENTE DA CIA NO BRASIL

OFICIAL DA ABIN, O 007 BRASILEIRO - 300 VAGAS EM CONCURSO PÚBLICO

TURQUIA ABRE DUAS FRENTES DE GUERRRA

Vamos perseguí-los e vamos destruí-los!", Erdogan sobre a ofensiva em Afrin, na Síria

Denel AH-2 Rooivalk, o helicóptero de ataque da África do Sul

Quando não se" para um grande ataque cibernético impactar o Reino Unido

O chefe do  Centro Nacional de Segurança Cibernética  alertou que um grande ciber-ataque é uma questão de "quando, não se".
Ciaran Martin disse que o Reino Unido até agora evitou um ataque de categoria um, definido como um ataque que pode paralisar a infra-estrutura. Durante uma entrevista de uma hora com o Guardião , Martin disse que antecipou tal ataque nos próximos dois anos.
"Eu acho que é uma questão de quando, não se e teremos a sorte de chegar ao final da década sem ter que desencadear um ataque de categoria.
A maioria dos países ocidentais comparáveis ​​experimentaram o que consideramos um ataque de categoria um, então tivemos a sorte de evitar isso até à data.
O que vimos ao longo do ano passado é uma mudança na motivação de ataque da Coréia do Norte do que você pode chamar de statecraft - interrumpir a infra-estrutura - através da tentativa de obter dinheiro através de ataques em bancos, mas também a implantação de ransomware, embora de uma maneira que não se manifestou da maneira que os atacantes quiseram ".
O último grande ataque foi o WannaCry ransomware que aleijou o NHS, este foi um ataque de categoria dois. As semelhanças foram detectadas entre esse ataque cibernético e o código usado por um grupo com links para o governo norte-coreano dizer Kaspersky e Symantec.
As empresas disseram que os detalhes técnicos dentro de uma versão inicial do código WannaCry são semelhantes ao código usado pelos hackers norte-coreanos ligados ao governo, Grupo Lazarus.
O ataque que atingiu o NHS trouxe à luz uma infecção global de ransomware, atingindo 75 mil computadores em 99 países, exigindo pagamentos de resgate em 20 idiomas.
O Ransomware é um malware de computador que se instala secretamente no dispositivo de uma vítima que monitora o ataque de extorsão criptoviral da criptovirologia que retém os dados da vítima como refém, ou monta um ataque de vazamento de criptovirologia que ameaça publicar os dados da vítima, até que um resgate seja pago.
Fonte, ukdefencejournal.

Arquivo do blog segurança nacional