Wikipedia

Resultados da pesquisa

sexta-feira, 3 de abril de 2015

Força Aérea dos EUA fecha contrato de US$ 91,5 milhões com a Raytheon para o MALD-J

Tucson, Arizona, 31 de marco de 2015 – A Raytheon Company recebeu uma modificação de contrato com a USAF no valor de US$ 91,5 milhões para o míssil Miniature Air Launched Decoy Jammer (MALD-J). A modificação do contrato é para o lote 8.
O trabalho será realizado em Tucson e está previsto para ser concluído até junho de 2017. Este contrato foi registrado no primeiro trimestre de 2015.
Sobre MALD e MALD-J
O MALD é um veículo aéreo modular dispensável no estado-da-arte, lançado do ar e programável. Ele pesa menos de 300 libras (136 kg) e tem um alcance de cerca de 500 milhas náuticas. O MALD-J adiciona capacidade de bloqueio de radar (“jamming”) para a plataforma básica MALD.
O MALD confunde as defesas aéreas inimigas duplicando perfis de voo e assinaturas de radar de aeronaves amigas. O MALD-J mantém todas as capacidades do MALD e adiciona capacidades de bloqueio eletrônico. A Raytheon começou a entrega de MALD-Js no outono de 2012.
Veja no vídeo abaixo o MALD sendo utilizado para enganar as defesas antiaéreas inimigas, simulando alvos falsos.
SEGURANÇA NACIONAL BLOG.SNB

MBT Armata consagra habitáculo para tripulantes longe da torre

Nos próximos cinco anos o Exército russo deve receber até 2.300 carros de combate pesados T-14 Armata, de 48 toneladas e canhão de 125mm.
Os primeiros 20 já foram distribuídos a algumas unidades da força terrestre, para que os tanquistas se familiarizem com o novo equipamento e manifestem, acerca dele, as suas primeiras impressões.
Representantes da indústria UVZ (Uralvagonzavod), da cidade de Nizhny  Tagil (Rússia Oriental), afirmaram à agência de notícias Sputnik Russo que têm condições de produzir 500 desses novos blindados ao ano.
O projeto do T-14 consagra o desenho de um habitáculo para a tripulação – que os projetistas chamam de “cápsula” – na parte dianteira da viatura, deixando à torre as funções de uma estrutura robotizada: portadora de sistemas de armas e de sensores controlados remotamente.
A “cápsula” deve funcionar como uma célula de sobrevivência.
Ela possui blindagem especial e dispõe de sistemas autônomos alimentadores de oxigênio e de energia elétrica, bem como de um equipamento anti-incêndio. Os tripulantes visualizam o que acontece à sua volta por meio de três sistemas de câmeras de alta resolução situados na parte fronteira do chassis, na torre e à ré.
A principal arma da viatura é um canhão 2A82-1, de 125mm e cadência de disparo entre 10 e 12 acionamentos por minuto. A peça de artilharia tem capacidade de abrir fogo com pontaria estabilizada, mesmo que o veículo se encontre em movimento.Afganit - Entre as várias informações sobre o programa T-14 ainda mantidas em segredo, estão aquelas relativas ao sistema de propulsão da viatura.
Calcula-se que o T-14 tenha sido equipado com um motor a diesel de potência entre 1.200 hp e 2.000 hp. A expectativa é de que a equação formada por maior potência aliada a um menor peso (os tanques de batalha ocidentais e de Israel deslocam entre 50 e 60 toneladas, ou mais) tenha produzido um carro de surpreendente mobilidade.
A velocidade do veículo em rodovia foi estimada em 85 km/h. Seu ritmo de deslocamento em terrenos não preparados é outro dos dados confidenciais, mas especialistas da Europa Ocidental calculam que ele não deva ser inferior a 30-40 km/h.
Outro ponto que chama a atenção no projeto é a promessa de uma viatura blindada com altas chances de resistir a armadilhas no solo e a postos de atiradores emboscados.
Os veículos Armata dispõem de defesa anti-minas e de um inovador sistema batizado deAfganit, que, havendo identificado – por meio de sensor próprio – a aproximação de um míssil antitanque, dispara foguetes capazes de interceptar o vetor atacante.
Também na torre está instalada uma metralhadora calibre 7,62mm, de operação igualmente remota.
Os T-14 serão apresentados oficialmente a 9 de maio próximo, durante a grande parada militar que acontecerá na Praça Vermelha em homenagem ao Dia da Vitória das tropas russas na 2ª Guerra Mundial.
Nas atuais circunstâncias de forte confrontação entre a Rússia e as potências ocidentais, por causa da política hostil de Moscou em relação à Ucrânia, espera-se uma apresentação das forças militares russas com magnitude nunca vista.
SEGURANÇA NACIONAL BLOG.SNB

Arquivo do blog segurança nacional